Chá da tarde em Londres

Gente, voltei de Londres já tem um tempinho mas só agora vou começar os posts londrinos!!!

blog keep calm

Sempre que volto de viagem demoro um pouco para organizar a vida e ainda por cima uma gripe me pegou de jeito… Mas podem cobrar a new blogueira aqui tá?! Preciso pegar o ritmo!!!

Bom, vamos lá!

Um programa que sempre quis fazer em Londres foi tomar um autêntico chá da tarde! Confesso que não sou muito fã de chá, mas nesse caso vale o sacrifício, né?! Afinal de contas, não consigo pensar em outro programa mais inglês do que esse!

Na minha primeira vez em Londres não consegui fazer esse passeio, ficamos muito pouco tempo na cidade e o chá não era uma prioridade…

Mas dessa vez fiz questão!

Existem vários lugares em Londres que oferecem o chá da tarde: praticamente todos os bons hotéis tem esse serviço, bons restaurantes (na próxima vez quero ir no do Balthazar!), cafés etc.

Fomos no da tradicional loja de departamentos Fortnum & Mason, considerado um dos mais elegantes da cidade!

Fortnum e mason.3

A Fortnum & Mason é a mais antiga e luxuosa loja de departamentos de Londres. Tem mais de 300 anos de história, ao longo da qual serviu Reis, Rainhas e consumidores de todas as partes do mundo.

A F&M pode ser identificada facilmente pelo seu lindíssimo prédio vitoriano e pelo relógio de quatro toneladas que enfeita a entrada principal da loja. Desde 1707, a loja encontra-se no mesmo local, o número 181 de Piccadilly.

relogio fachada FM

A loja tem seis andares com acessórios, joias, chás, vinhos, cestas de piquenique (maravilhosas!), produtos de beleza, perfumes, doces, artigos chiquérrimos de papelaria, louças e muito mais. Vale a visita! Mesmo que você não tome o chá!

Chegamos lá as 17 horas como manda a tradição! Mas estava cheio… Tivemos que colocar o nome na lista de espera e aguardar até as 18 horas. O que não foi de todo mal pois aproveitei para olhar a loja com calma!

A loja é belíssima, cheia de detalhes arquitetônicos e tudo ali está exposto como se fossem verdadeiras joias!

Fortnum-Mason-Ground-Floor.2

Mas e o chá???

O salão de chá fica no 4° andar da loja e chama-se The Diamond Jubilee Tea Salon. Logo na entrada um pianista se encarrega da trilha sonora, muito chic!

F&M.2

cha da tarde.1

O salão é lindo, todo decorado naquele tom azul Tiffany, cor predominante em toda a loja, inclusive na louça, e chic até dizer chega… Voltei querendo alguma coisa dessa cor na minha casa pra ontem!!!

cha da tarde.2

cha da tarde.4

Pedi o chá mais simples (existem váaarias opções), até porque já estava tarde e naquele mesmo dia iríamos jantar. Foi mais do que suficiente!

cha da tarde.3

Você escolhe o tipo de chá que quer e algumas opções dos salgados e doces. Gente, sabe carta de vinho? Pois é igual, só que de chá!!! Para quem gosta é o máximo! Diante de tantas opções fui no clássico Earl Grey, mas para não ficar muito óbvio, pedi com um toque de morango. Adorei!

A minha opção de chá da tarde incluía um sanduíche salgado com camadas de diferentes recheios, dois tipos de scone (um com fruta e outro sem), dois tipos de geleia, uma porção de clotted cream (mais ou menos uma mistura entre manteiga, creme de leite e nata. Se eu pudesse comia puro e ainda trazia pra casa, de tão bom que é!) e é claro, alguns docinhos…

cha da tarde.5

Gostei muito e recomendo o programa!

cha da tarde.6

Na verdade não conheço outros chás em Londres para comparar, mas considerando que a loja em si já é uma atração acho que vale a pena unir o útil ao agradável e ficar por ali mesmo para um lanchinho!

Meu marido, que não tomou o chá, mas que já conhecia a loja, disse que o restaurante do 1° andar, The Parlour, é excelente para um lanche da tarde com ou sem chá. Fica então mais uma opção!

Aos poucos vou fazendo mais posts sobre Londres, uma capital pela qual não me apaixonei à primeira vista mas que me conquistou dessa vez!!!

 

Gostou do post? Conhece e recomenda algum chá em Londres? Deixe nos comentários, vou adorar saber!

  

 

Compartilhe também:
Publicado em Viagens com as tags , , , , , .

Deixe uma resposta